Governo de Goiás

Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos

Procure o que você precisa:
Quinta, 19 de Abril de 2018
Notícias
Nerópolis reafirma seu compromisso com o Projeto Produtor de Água
02/04/2018 16h59 - Atualizado em 12/04/2018 09h02

Na última quarta-feira, dia 28, a Secima esteve presente na apresentação dos resultados do Programa Produtor de Água, na Bacia Hidrográfica do Ribeirão João Leite. O evento ocorreu na Chácara JP, em Nerópolis-GO, e reuniu técnicos, autoridades e produtores rurais.

Tutelado pela Agência Nacional das Águas (ANA), o Produtor de Águas busca promover a proteção dos recursos hídricos por meio do Pagamento por Serviços Ambientais (PSA). Além da Secima, o programa conta ainda com o apoio das prefeituras de Nerópolis e Ouro Verde, da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater) e da Saneago.

Além de Nerópolis, os municípios de Anapólis, Campo Limpo de Goiás, Goiânia, Goianápolis, Ouro Verde de Goiás e Terezópolis contam com propriedades que integram o programa. Nas unidades já foram realizadas ações de levantamento topográfico, o Cadastro Ambiental Rural (CAR), a elaboração de Projeto Individual da Propriedade (PIP), de mapas de uso de solo e de mapas de serviços ambientais.

O evento contou com a presença do presidente da Emater, Pedro Arraes, do prefeito do município, Gil Tavares, e do superintendente de Recursos Hídricos da Secima, Gustavo Soares, entre outras autoridades.

Resultados

Para o proprietário da Chácara JP, Cilso Augusto Teixeira, o Produtor de Águas é fundamental para garantir o fornecimento de água para toda a população. “Já está faltando água, então, temos que procurar, juntamente com os órgãos ambientais, proteger as nascentes o meio ambiente de maneira geral”, defendeu.

O produtor é um dos que já possuem o projeto instalado. Agora, Teixeira passa a ter a responsabilidade de manter as benfeitorias que foram realizadas na sua terra. “Vale muito a pena porque também tem ganhos para a propriedade”, lembra o produtor, evidenciando os trabalhos de terraceamento, construção de cacimbas e cercamento de nascentes que já foram realizados.

Sustentabilidade

O presidente da Emater, Pedro Arraes, defendeu que a manutenção de projetos como o Produtor de Água seja feita por meio da criação de um fundo por meio da articulação entre o setor público e a iniciativa privada. “Esse fundo pode ser construído a partir do desconto de centavos na conta de luz ou de água. Toda a sociedade precisa contribuir para o custeio de projetos de preservação ambiental”, pontou.

Coordenador da Unidade de Gestão do Projeto, o servidor da Secima, Marcos Cabral, pontua números que dão a dimensão do projeto. Foram homologados quatro mil metros de cerca para projetos aprovados, além da readequação de estradas vicinais, cercamento de nascentes e plantio de mudas. O Projeto nasceu em 2013 e engloba serviços de terraceamento, bacia de captação e cercamento de APPs. Já o Superintendente de Recursos Hídricos da Secima, Gustavo Soares, afirmou que a Secretaria vai à Agência Nacional das Águas (ANA) apresentar na próxima semana uma proposta para uma segunda etapa do Produtor de Água.

Técnico da Emater, Maurício Lima informou que Nerópolis possui 7,4 mil hectares dentro da Bacia do João Leite, onde se encontram 76 propriedades rurais. Destas, 29 aderiram ao Produtor de Água e já existem 16 projetos aprovados.

Responsável pela execução do programa na Bacia do João Leite, o servidor da Emater Pedro Américo Carneiro informou que, após a avaliação do projeto por parte dos técnicos da Saneago, os produtores começarão a receber o PSA. O pagamento será realizado anualmente, durante cinco anos.

Com Gerência de Comunicação para Inovação – Emater*

Palácio Pedro Ludovico Teixeira, Rua 82, n° 400, 1° Andar, Setor Sul - 74.015-908 - Goiânia - GO

© Copyright 2014. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento